The teaching of basic science poses a special set of pedagogical issues. First, introductory science courses must reach three different, but overlapping, audiences: students who take science courses to meet general education requirements, students who take science courses as preparation for application to a professional (usually medical) school, and students who take these courses as preparation for concentration and more advanced work in the sciences.
Harvard Curricular Review, http://www.fas.harvard.edu/curriculum-review/

Os nossos alunos vão trabalhar num mundo de constantes evoluções científicas e técnicas. O gap de competências é disso a maior evidência. Da mesma forma que todos os alunos devem ser confrontados com a formação humanística, também todos devem ser expostos aos elementos básicos do método científico e dos princípios das ciências físicas e da vida. Esta paridade entre o conhecimento científico e humanístico é o cerne da educação liberal. Durante a sua vida os nossos alunos serão confrontados com questões éticas e legais que dependem de conhecimentos científicos básicos. Igual domínio será necessário para compreender as principais inovações tecnológicas que se esperam.

Recomendamos a frequência obrigatória de um número mínimo de unidades de crédito (7,5 ECTS) na aprendizagem formal de conhecimentos científicos básicos a todos os alunos da UMa independentemente da sua experiência ao nível do ensino secundário.