O Senado da UMa aprovou a proposta da Reitoria que contém um conjunto de princípios gerais considerados fundamentais para permitir que adaptação do processo de ensino/aprendizagem da UMa a Bolonha se faça em torno de um objectivo estratégico diferenciador e potenciador das singularidades da UMa.

Poderá encontrar os princípios aprovados numa secção deste blog especialmente criada para o efeito.

Termina hoje um longo processo de mais de 1 ano que envolveu toda a comunidade universitária numa discussão exemplar. O meu agradecimento a todos os que participaram neste processo, em particular aos colegas que fizeram parte do “Grupo de Bolonha” que preparou o relatório na origem da proposta da Reitoria. A todos eles agradeço a forma como dispuseram do seu tempo e disponibilidade para repensar a Universidade. Uma palavra especial para o João Vasconcelos Costa que foi co-relator do relatório, tendo participado activamente em todo o processo muito para além do que as suas obrigações como consultor externo exigiam.
Conforme consta da proposta aprovada pelo Senado o Reitor irá nomear uma comissão para continuar o processo de adaptação da UMa a Bolonha. Demos apenas um pequeno passo num longo processo.
O “Grupo de Bolonha”, e este blogue que foi criado para suportar o processo de discussão alargada, terminam aqui.
A todos obrigado,

Nuno
PS: Para comemorar a extinção do “Grupo de Bolonha” sugeria uma comemoração na próxima sexta feira no bar da UMa (Penteada).


One Response to “Proposta aprovada pelo Senado da UMa”  

  1. 1 juergenmillner

    O agradecimento pela criação deste blogue deve estar ímplícito ao pensamento de toda a gente que participou nele com comentários ou como leitor.
    Como o blogue terminou, ontem, conforme a mensagem em cima, direi com mais palavras noutro sítio o que resumo hoje assim:

    Boa noite Bolonha - Bom dia Bologna.

    Ou:

    Boa noite Bolonha a !, b !, c !, d ! … - Bom dia Bolonha a b c d e f g h … !!!!!!!!

    E quem suspeita que esta tomada de posição seja teimosia ou, pior ainda: incompatível com tomadas de posição de pessoas que estão dispostas a dar o seu melhor para que a proposta aprovada pelo Senado seja aplicada e concretizada da melhor maneira para a UMa, embora se tenham abstido na respectiva votação ou votado a favor de outras propostas, que diga. Mas que argumente explicitamente. Ouvirei e tentarei justificar a minha opinião. E caso eu ouça argumentos que me convencem não só emocionalmente, não terei problema nenhum em dizer abertamente: Errei. Tanto no que diz respeito ao que escrevi hoje. Como no que diz respeito a posições que tomei e argumentos que tentei fornecer na reunião do Senado e durante o Debate Bolonha na UMa … que adorei, como mais uma festa fascinante que prometeu outras que já houve e haverá de certeza.

    Kurt Millner (tiago@uma.pt)
    (DEAG)

Leave a Reply

You must log in to post a comment.